PUB

Fábrica cria mais emprego

O grupo Refriango inaugurou uma fábrica da cerveja Tigra em Luanda, onde prevê produzir 60 milhões de litros por ano, depois de investimentos de 50 milhões de dólares (mais de oito mil milhões de kwanzas).

Com esse investimento, a fábrica criou 150 postos de trabalho, mas o grupo projecta investir outros 32 milhões de dólares (mais de cinco mil milhões de  kwanzas), com o que a unidade passa a empregar mais 50 trabalhadores, disse o administrador Estêvão Daniel durante a inauguração.

O grupo também investiu na produção do milho e envolveu-se na plantação agrícola, a despeito da falta de divisas para a importação de matéria-prima.
Estêvão Daniel declarou que o objectivo estratégico é triplicar a actual produção, o que o chefe da Casa Civil do Presidente da República, Manuel da Cruz Neto, considerou que merece o apoio do Executivo, posto que contribui de forma significativa para a redução das importações de bebidas e para impulsionar as exportações.

O chefe da Casa Civil do Presidente da República lembrou, ao discursar na inauguração, que a  nova Pauta Aduaneira apoia a indústria de bebidas, a qual, neste momento, lidera a competição para obtenção de quotas de mercado. Manuel da Cruz Neto encorajou os empresários do sector de bebidas a manterem uma contínua aposta na concorrência contra as marcas estrangeiras e a apostarem em mercados para exportação em África e outros continentes.

Referindo-se à Refriango, Manuel da Cruz Neto considerou que “o grupo empresarial tem respondido à orientação específica do fomento das exportações, conhecendo novos mercados, de forma a que a produção nacional cresça de forma sustentada e com a qualidade desejada.” A ministra da Indústria, Bernarda Martins, notou que projectos como o da produção de Tigra se tornaram possíveis nas condições da crise depois de, em 2015, o Executivo criar um programa de apoio às empresas privadas para facilitar o acesso às divisas, à reposição de peças e equipamentos para o arranque de linhas de produção e o pagamento dos expatriados.

“O Executivo tem estado a contribuir com medidas que visam facilitar os industriais a desenvolverem a produção”, apesar das dificuldades que muitos empresários ainda enfrentam para manterem as suas unidades em funcionamento.  A Tigra foi concebida por uma parceria entre a Refriango e o Instituto Doemens, da Alemanha, uma das mais antigas e conceituadas escolas de cerveja do mundo. O grupo comercializa no mercado nacional com unidades de 25 e 33 centilitros.

O Jornal de Angola apurou que sector industrial das bebidas cresce três por cento por ano e é responsável por cerca de 14 mil postos de trabalho directos e 45 mil indirectos. O país possui mais de 40 empresas de bebidas como água, refrigerantes e cerveja.

 

Tagged under