PUB

Nossa Seguros divulga estatísticas de 2016

826 Milhões de Kwanzas, colheita líquida resultante ao ano de 2016. Com uma percentagem de 143% equiparável ao período de 2015, nota-se que ouve um esforço tal dos seus efectivos, graças a motivações feitas pela direcção da empresa face a crise económica, reajustando o salário do trabalhador para melhorar a sua eficácia e garantir o poder de compra do seu grosso.

Com crescimentos em várias linhas de negócios, com maior predominância no sector da saúde que sofreu um aumento de 92% relativamente ao ano anterior.

Segundo, Carlos Duarte, PCA da Nossa Seguros de Angola, que fez uma apreciação nas cifras apresentadas pelo governo, realça que o mercado de prémios cresceu 4% ao ano corrente. No ramo vida ainda tem um peso muito baixo de 2% mais tem vindo a crescer. E que a Nossa Seguros criou bases para avanço nos próximos anos.

O PCA que falava em foro aos órgãos de comunicação, disse que no sector da saúde teve uma subida de 34%, e no automóvel teve um raço de 20%, e também podemos ver um aumento nas sinistralidades que passou de 32% em 2015 para 45% em 2016.

A Nossa Seguros, estando entre as cinco maiores seguradoras de Angola ocupa o segundo lugar. Enquanto gestora de Fundo de Pensões, teve um resultado de 3.174 Milhões de Kwanzas, que resulta em um aumento de 15%.

Na carteira de investimentos registou-se alta de 35%, uma apreciação rigorosa no cumprimento aos artigos previstos na lei, originou a uma alta de 68% nos rendimentos financeiros.

Operando com uma rede de 26 agências em todo o território angolano, e através dos balcões do Banco BAI, é o segundo ano no rating a nível do Estado Angolano atribuído pela FITCH.

O País com 24 seguradoras a operar em todo o território nacional, estão em via de aprovação mais Seis para suprimir as várias necessidades que a nação angolana necessita.

O acto de divulgação dos dados relativamente ao ano passado teve lugar no Hotel Tropico.

No ano corrente ainda apresenta índice de baixa taxa de crescimento na economia angolana, condicionada pelo preço internacional do petróleo bruto. O reforço na confiança nos canais de distribuição, com a entrada de produtos inovadores os investimentos na capacitação do Capital Humano e nas ferramentas de gestão e suporte ao negócio vai multiplicar a eficácia no ramo de seguros.

 

Tagged under