PUB

José Eduardo dos Santos é um símbolo em África

“O maior e mais valioso legado que o  Presidente José Eduardo dos Santos deixa para Angola e os angolanos é a paz.

 

Preservem-na, Cuidem-na!”, declarou, Dennis Sassou Nguesso, Presidente do Congo, durante uma conferência de imprensa, em Luanda, no culminar da visita de trabalho de algumas horas a Angola.
Segundo o líder congolês, José Eduardo dos Santos será sempre, para todos os povos do continente e não só, uma grande referência. Denis Sassou Nguesso recordou a trajectória do Chefe de Estado angolano, ao referir-se às inúmeras batalhas enfrentadas juntos pelo bem-estar dos dois povos.
“Nós enfrentamos várias batalhas e lutamos para o bem-estar dos nossos dois povos e, neste momento que tomou a liberdade de abandonar a vida política, pelo menos a Presidência da República, eu não deixaria de deslocar-me para poder honrar este gesto que ele está a ter”, disse.
José Eduardo dos Santos é uma pessoa com grandes qualidades, um dirigente que marcou e continuará a marcar o seu tempo, assinalou Nguesso. “Conheci-o já há muito tempo, na altura das lutas de libertação nacional, nos anos 60 ou 70 quando chegou a Brazzaville (Congo), na companhia do Presidente Agostinho Neto e eu, na altura, na companhia do Presidente Marien Ngouabi”.
De lá para cá, referiu, trocamos impressões e continuou a ser um líder clarividente, que soube levar Angola e África para um rumo melhor, dando opiniões que fizeram com que fossem solucionados muitos problemas surgidos, tanto na região como em África e no mundo.
“Nas poucas horas que estive com o Presidente José Eduardo dos Santos em conversa, ele disse-me que vai ainda manter-se um pouco a dirigir o partido e isso poderá ajudar para que possa continuar a dar o seu contributo para o bem-estar de todos”, declarou Sassou Nguesso.

Maturidade política

O Chefe de Estado congolês também felicitou o exemplo de elevação e de grande maturidade política demonstrado pelos angolanos nas eleições de 23 de Agosto último, ganhas pelo MPLA e o seu candidato a Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço.
Em comunicado divulgado no final da visita, os órgãos auxiliares do Presidente da República destacaram as felicitações do líder congolês às autoridades e ao povo angolano pelo “alto nível da organização e pela forma ordeira como decorreu o processo eleitoral”.
O comunicado refere que os dois Chefes de Estado abordaram assuntos de interesse bilateral e da região em que ambos os países estão inseridos. “Na visita, o Presidente Dennis Sassou Nguessou fez questão de render uma homenagem ao Presidente José Eduardo dos Santos, realçando as relações de amizade, solidariedade e cooperação existentes desde longa data entre a República do Congo e a República de Angola e pelo papel desenvolvido pelo Chefe do Estado angolano em prol da paz, segurança e desenvolvimento na região e em África.”
O documento faz alusão à República Centro Africana, que apesar de se ter registado algum “desenvolvimento positivo” faz-se sentir a “necessidade da busca de soluções mais abrangentes e inclusivas”. José Eduardo dos Santos e Dennis Sassou Nguesso defendem uma abordagem da situação na RCA, que possa contribuir para a “efectiva pacificação, reconciliação nacional e consolidação da democracia.”
Os dois líderes abordaram também a situação prevalecente na RDC, que constitui uma preocupação regional e continental, a par do Burundi, país onde se registam “alguns progressos dignos de realce”.

* Com Angop

Tagged under